E quando você quer muito ver uma espécie, mas não consegue?

Foi com essa situação que tive que lidar. Um amigo passou em casa logo pela manhã, dizendo que tinha visto um gavião-pega-macaco em um lugar aqui perto de casa, na hora nem pensei duas vezes, mesmo com muito trabalho a fazer, pedi para ele me levar até lá…

Apenas troquei de roupa bem rápido, arrumei a mochila com câmera, binóculo, gravador, caixinha de som e celular e já começou aquela adrenalina e emoção só de pensar que depois de inúmeras vezes em que pude ouvir e ver o pega-macaco voando eu finalmente iria observá-lo pousado. Estava tomada de alegria, feito criança esperando o momento mágico de ganhar um presente.

Seguimos de moto até o local, o que já foi um belo treino e emoção, daqui alguns meses farei uma viagem longa de moto para observar aves então preciso ir me acostumando. A ida foi uma delícia, o vento batendo no meu corpo, uma sensação de liberdade, sem ter “paredes” entre eu e a estrada/paisagens, fui sentindo cada aroma, cada sensação e me integrando a paisagem.

Enfim chegamos ao local, caminhamos um pouco até o topo da montanha, onde ficamos com uma visão razoável para dois lindos vales, logo na chegada fomos saudados por uma borralhara-assobiadora que conseguimos ver rapidamente em uma boa brenha! Do jeitinho que elas gostam…rs

Sem muita espera, logo apareceu o pega-macaco sobrevoando, ia de um vale ao outro, indo e vindo próximo aos urubus. A ânsia de que a ave pousasse na mesma embaúba em que meu amigo havia visto alguns dias atrás já me fez tocar o playback imediatamente, toquei um pouco e ele continuou sobrevoando e desapareceu por entre as montanhas.

De repente, ele aparece novamente, fui vendo com o binóculo cada movimento e cada detalhe dele, lindo de ver o seu voo entre as montanhas. Neste momento, meu amigo que foi tomado pela ânsia e me dizia para tocar o playback novamente, mas naquela hora eu só queria continuar com o binóculo contemplando cada detalhe até que ele desapareceu na imensidão…

Depois de umas duas horas ali, nessa espera e grande expectativa de vê-lo pousado e imponente com todo seu poder que eu vejo nas fotos, eu senti em meu coração o quanto esse voo na imensidão ocorre no nosso dia-a-dia. Quantas são as expectativas que criamos sobre diversas coisas? Muitas vezes vamos a lugares com expectativas do que vai acontecer e com o que queremos que aconteça nos guiando, mas hoje só se reafirmou em meu coração o quanto não temos controle de nada….nenhum controle, não temos como prever e nem como garantir nada….rs

Inúmeras vezes ouvi amigos dizerem e até eu mesma: – Ah, vamos para este local, mas é garantido ver o bicho? Hoje só me veio mais forte o sentimento de que nada é garantido nessa vida, nós somos assim, como o pega-macaco, imprevisíveis! A nossa vida é dinâmica, tudo pode acontecer…Então, só nos resta não nos apegar as expectativas e perceber que elas são apenas desejos e nos entregar para as experiências que podemos viver e desfrutar do que está reservado para nós em cada momento.

Não consegui ver o pega-macaco pousado como eu queria, não foi dessa vez. Mas, em compensação ganhei esse entendimento sobre as expectativas e as garantias tão buscadas. Além disso, estava em um lugar lindo, contemplando lindas montanhas e ainda finalizamos a manhã com um belo banho de cachoeira, livres com as aves e curtindo cada minuto!

E os ensinamentos de hoje não pararam por aí, além de não se apegar as expectativas e abrir mão do controle, a volta de moto me despertou algumas sensações que me fizeram aprender mais um pouco. Em alguns trechos da estrada bem sinuosa, tive medo, medo porque não era eu que estava ali controlando, eu estava na garupa…então, percebi que eu naquele momento estava mais uma vez fora do comando, sem a possibilidade de controlar a situação. Só me restou confiar, aprendi o quanto é importante confiar verdadeiramente no outro, sem medo, apenas se entregar para a experiência, confiar e desfrutar…

E assim terminou o dia em estado de profunda gratidão e alegria pelos novos aprendizados!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s